Idade da Terra

Idade da Terra

 - Eduque-se
Você está aqui: Criação >> Idade da Terra

Idade da Terra: Por que é realmente importante?
"Idade da Terra" é atualmente uma consulta digitada em muitos sites de busca da Internet. Por quê? Porque essa pergunta é muito importante, e todo o mundo é dividido por ela. Sua resposta a esta pesquisa de três palavras reflete como você interpreta o mundo inteiro.

Idade da Terra: Dois pontos de Vista
Um olhada na pergunta sobre a "Idade da Terra" revela que na verdade só há duas soluções possíveis a respeito de como tudo veio a existir - Criação ou Evolução. A Criação é o conceito de que Alguém muito além do universo criou o universo. A evolução é essencialmente a explicação ateísta das origens. Deve ser salientado que nenhuma teoria tem sido comprovada pela evidência. Ambas as teorias devem ser tratadas como crenças "religiosas", pois ambas são aceitas pela fé, e são separadas e distintas de dados que podem ser testados e repetidos. Concorda-se que a evolução não é possível sem quantidades excessivas de tempo (alega-se também que mesmo quando dada grandes quantidades de tempo, a evolução não é possível por motivos diversos). Se a Terra é jovem, ficamos com apenas uma opção - Criação Especial. Se a Terra é bem velha, a Evolução é teoricamente possível. É fácil entender por que os evolucionistas têm o interesse de provar uma Terra Antiga. E assim temos a pergunta: "Qual é a idade da Terra?"

Idade da Terra: Educação ou Doutrinação?
As escolas públicas americanas enxergam a "Idade da Terra" como um assunto da separação da Igreja e Estado. Eles se sentem obrigados a ensinar sobre a Terra Antiga como uma forma de remover Deus do ensino público. Isso é uma contradição, já que um ponto de vista ateísta não é menos "religioso" do que uma cosmovisão criacionista. O resultado imediato de tal esforço é censura imediata de qualquer evidência da Terra Jovem. O resultado a longo prazo é que nossos alunos são doutrinados, não educados. Uma criança que frequenta o sistema escolar público não está aprendendo ambas as teorias das origens. Como tal, a evolução é ensinada como fato científico. Aqui estão alguns exemplos de provas que não estão chegando aos ouvidos dos jovens de hoje:

  • Há cerca de 5 vezes mais Cronômetros Naturais indicando uma Terra Jovem do que aqueles que indicam uma Terra Antiga. Os alunos de hoje em dia não têm nenhum conhecimento de qualquer cronômetro natural que indica uma Terra Jovem, e por isso são ignorantes de 80% do total de dados.
  • Todos os dados são interpretados através de pressuposições.
  • Quais são as pressuposições e como foram alcançadas? (um exemplo seria as pressuposições fundamentais para Datação Radiométrica).
  • Uniformitarismo é ensinado como fato científico, mas é apenas uma suposição evolucionista para explicar as camadas sedimentares. Uniformitarismo tem sido drasticamente enfraquecido por características geológicas como fósseis de vários estratos e a ausência de erosão entre os estratos.
  • Existe uma alternativa para o Uniformitarismo, o Catastrofismo, o qual é validado por manuscritos antigos, fósseis de vários estratos, fósseis de moluscos (na posição fechada) encontrados no pico do Mt. Everest, rochas sedimentares, o fato de que 95% de todos os fósseis registrados são invertebrados marinhos, etc
  • Na verdade existem seis estágios de evolução necessários para o que vemos no mundo de hoje (cósmico, químico, estelar / planetário, orgânico, macro e micro). Apenas uma fase, micro-evolução, tem sido observada, e o resto são apenas suposições. Muitas das premissas foram provadas como sendo irrazoáveis (por exemplo, a falta de fósseis de transição tem gravemente afetado a teoria da macro-evolução e a observação do movimento retrógrado, "vazios" e "aglomerações" têm-se revelado como um grande atrapalho para a teoria da evolução cósmica, começando com o Big Bang).
  • Há realmente fatores limitantes que limitam a possível idade da Terra (como a deriva da lua, a deterioração do campo magnético, diminuição da rotação da Terra, aumento de sedimentos no fundo do oceano, fluxo químico nos oceanos, etc.)

Idade da Terra: Desconfie de Conclusões Ilógicas
Idade da Terra: Talvez uma pergunta melhor não seja "Qual é a idade da Terra?", mas sim: "Será que estamos sendo educados ou doutrinados?" Nossos filhos não estão aprendendo sobre as evidências e como avaliar o assunto, mas estão sendo ensinados a decorar uma porção pequena de dados inconsequentes e a acreditar em uma conclusão nada razoável. Nós pedimos que você avalie TODAS as provas antes de tirar QUALQUER conclusão.

Explore mais agora!


Gostou dessa informação? Ajude-nos ao compartilhar esse artigo com outras pessoas usando os botões dos sites sociais abaixo. O que é isso?




Siga-nos:




English  
Social Media
Siga-nos:

Compartilhar:


Perspectivas Científicas de Enxergar o Mundo

Extinção dos Dinossauros
Fósseis de Dinossauro
Escala de Tempo Geológico
Catastrofismo
Idade da Terra
História do Dragão
Datação radiométrica
Datação por Carbono
Qual a idade da Terra
Conteúdo adicional ...

Perspectivas Filosóficas de Enxergar o Mundo
O que a Bíblia declara ser verdade?
Teísmo
Fundadores dos Sistemas de Crenças
Religiões Mundiais
Descubra a verdade
Assuntos populares
Desafios da vida
Recuperação
 
 
 
Pesquisar
 
Add Idade da Terra to My Google!
Add Idade da Terra to My Yahoo!
XML Feed: Idade da Terra
Criação Página principal | Sobre nós | Perguntas Frequentes | Mapa do Site
Copyright © 2002 - 2014 AllAboutCreation.org, Todos os direitos reservados.